Archive for April, 2007

The iPod Essentials (Parte 3)

Sunday, April 29th, 2007

 

Sejam bem-vindos ao The iPod Essentials (Parte 3). Estamos de volta em rítimo total e unidos mais uma vez pela mágia da música. O sucesso das duas primeiras edições foi enorme com o server registrando 9,364 downloads…e aumentando a cada dia!!

Fico muito feliz de poder compartilhar com todos vocês as músicas que marcaram a minha vida – fora e dentro do rádio – e que hoje, estão sendo “ressuscitadas” aqui em nossas edições dos iPod Essentials.

É importante saber que estamos cada vez mais juntos e sintonizados no mesmo astral e energia. Graças ao furreca, agora podemos estar sempre ligados compartilhando com o mundo inteiro as nossas idéias, amizade, emoções e alegrias.

Nesta terceira edição, estou trazendo versões diferentes de algums “Classic Tunes” da super coleção, novidades, exclusividades, e também, aquelas sensacionais “pérolas” que tantas emoções e alegrias trouxeram durante os meus programas de rádio e que continuam maravilhosamente “atuais” e cheias de energia.

Aproveito também para informar que novas páginas estarão sendo adicionadas aqui no furreca em breve trazendo muitas novidades: vídeos, podcasts, remixes exclusivos e também os meus novos mini-programas e crônicas faladas…stay tuned!!!

Desliguem o celular, a TV, coloquem um aviso de “Do Not Disturb” na porta, aumentem o volume e vamos juntos dançar para celebrar mais um dia de vida “fora do hospital” com muita saúde e o mais importante de tudo…vamos agradecer ao Mestre Supremo por tudo que temos..

Welcome to The iPod Essentials. Happy listening my friends!!!

 

Mr. Fingers – Show Me (Porquinho’s Blog Tribute)

Motiv 8 – Rockin Myself (Calmon’s MiniDisc Version)

Louis Botella & Mario Berardi – Cuba Libre (Havana Sunset Mix)

NightCrawlers – Keep Pushin’ (The Feeling)

Peaches & Herb – Shake Your Groove Thing (New Mix)

Sasha – Magic (Chicago’s Departure Road Mix)

Kenny Thomas – Destiny (Mellow Radio Version)

Cerrone – Got To Have Lovin’ (Big Apple Mix)

Gwen MCrae – Keep the Fire Burning (Don’t Give Up Mix)

Heavy Shift – 98 Degrees In The Shade (Mojave Route 66 Version)

Greg Diamond – Star Cruisin’ (Calmon’s 66 MiniDisc Mix)

Driza Bone – Pressure (Radio Mix Version)

Carleen Anderson – Mama Said (Route 66 Dinner Mix)

Bebel Gilberto – River Song (Grant Nelson Mix)

Albert Cabrera – Watch You (Exclusive Blog Mix Version)

Michael Jackson – In The Closet (Tommy Musto Club Mix)

Serious Hope – Happiness (94 Remix)

Shades Of Rhythm – My Love (Calmon’s MiniDisc Version)

Shakatak – Brazilian Affair (Leblon’s Beach Revival Mix)

Shawn Christopher – Make My Love (Radio Version)

Southern Division – Deepest Blue (Julinho’s Late Late Mix)

Tempo – Saturday Night, Sunday Morning (Extended Mix)

Xaviera Gold – Good Love (Studio Final Mix)

Yazz – Let It Go (Cabrera’s Super Exclusive Blog Remix)

Continuem na sintonia.

 

O Castelo de Areia

Sunday, April 29th, 2007

 

199183836_d40c359b6f_b.jpg

 

Hoje de manhã, eu estava na praia, espiando duas crianças brincando na areia. Trabalhavam muito, construindo um castelo de areia molhada com torres, passarelas e passagens internas.

Quando estavam perto do final, veio uma onda e destruiu tudo, reduzindo o castelo a um monte de areia e espuma. Achei que as crianças cairiam no choro, depois de tanto esforço e cuidado, mas tive uma surpresa: em vez de chorar, correram para a praia fugindo da água, rindo, de mãos dadas, e começaram a construir outro castelo.

Compreendi que havia recebido ali uma importante lição: tudo em nossas vidas, todas as coisas que gastam tanto o nosso tempo e de nossa energia para serem construídas, tudo é passageiro, tudo é feito de areia; o que permanece é só o relacionamento que temos com as outras pessoas.

Mais cedo ou mais tarde, uma onda poderá vir e destruir ou apagar o que levamos tanto tempo para construir. E quando isso acontecer, somente aquele que tiver as mãos de outro alguém para segurar, será capaz de rir e recomeçar.

 

A Vida é uma Torcida

Friday, April 27th, 2007

 

Mesmo antes de nascer, já tinha alguém torcendo por você.

Tinha gente que torcia para você ser menino. Outros torciam para você ser menina. Torciam para você puxar a beleza da mãe, o bom humor do pai.
Estavam torcendo para você nascer perfeito.

Daí continuaram torcendo.

Torceram pelo seu primeiro sorriso, pela primeira palavra, pelo primeiro passo.

O seu primeiro dia de escola foi a maior torcida. E o primeiro gol, então?

E de tanto torcerem por você, você aprendeu a torcer. Começou a torcer para ganhar muitos presentes e flagrar o Papai Noel.

Torcia o nariz para o quiabo e a escarola. Mas torcia por hambúrguer e refrigerante.

Começou a torcer até para um time. Provavelmente, nesse dia, você descobriu que tem gente que torce diferente de você.

Seus pais torciam para você comer de boca fechada, tomar banho, escovar os dentes, estudar inglês e piano. Eles só estavam torcendo para você ser uma pessoa bacana.

Seus amigos torciam para você usar brinco, cabular aula, falar palavrão.
Eles também estavam torcendo para você ser bacana.

Nessas horas, você só torcia para não ter nascido. E por não saber pelo que você torcia, torcia torcido.

E quando os hormônios começaram a torcer, torceu pelo primeiro beijo, pelo primeiro amasso.

Depois começou a torcer pela sua liberdade.

Torcia para viajar com a turma, ficar até tarde na rua. Sua mãe só torcia para você chegar vivo em casa.

Passou a torcer o nariz para as roupas da sua irmã, para as idéias dos professores e para qualquer opinião dos seus pais. Todo mundo queria era torcer o seu pescoço. Foi quando até você começou a torcer pelo seu futuro.

Torceu para ser médico, músico, advogado. Na dúvida, torceu para ser físico nuclear ou jogador de futebol. Seus pais torciam para passar logo essa fase.

No dia do vestibular, uma grande torcida se formou. Pais, avós, vizinhos, namoradas e todos os santos torceram por você.

Na faculdade, então, era torcida pra todo lado. Para a direita, esquerda, contra a corrupção, a fome na Albânia e o preço da coxinha na cantina.

E, de torcida em torcida, um dia teve um torcicolo de tanto olhar para ela. Primeiro, torceu para ela não ter outro. Torceu para ela não te achar muito baixo, muito alto, muito gordo, muito magro. Descobriu que ela torcia igual a você. E de repente vocês estavam torcendo para não acordar desse sonho.

Torceram para ganhar a geladeira, o microondas e a grana para a viagem de lua-de-mel. E daí pra frente você entendeu que a vida é uma grande torcida.

Porque, mesmo antes do seu filho nascer, já tinha muita gente torcendo por ele.

Mesmo com toda essa torcida, pode ser que você ainda não tenha conquistado algumas coisas. Mas muita gente ainda torce por você!!!

Eu sou um!!!

 

Miami Sunshine Celebration Mix

Wednesday, April 25th, 2007

 

473082107_7eb1846c5d.jpg

 

Ahhhh…Miami!! Como você é linda!!! Você é um templo do Sol que está cercada por um mar azul turquesa que parece ser até um quadro de tão maravilhoso.

AhhhhMiami!! Que sempre me convida pra tirar a camisa, jogar o sapato pela janela, vestir uma bermuda, esquecer dos problemas, levantar os braços e celebrar a vida do jeito que ela tem que ser celebrada…no momento…no agora. Como se o amanhã nunca fosse existir.

Ahhhh…Miami!! Como você é bonita e bronzeada. Os seus amigos são graciosos e sensuais. O teu sol quente, a tua comida gostosa, as tuas lindas praias e ilhas vizinhas fazem você muito especial. Você é cheia de rítimos exóticos e tem muita música nos pés. A tua melodia parece nunca acabar.

Ahhhh…Miami!!! Que todas as manhãs me inspira com tua magía e esplendor. Você faz o meu coração feliz.

Ahhhh…Minha querida Miami. Quero deixar registrado aqui o meu grande amor por você trazendo esta pequena homenagem em forma de música e imagem.

E aqui vou eu!!!…Com o meu pé tocando a sua areia branca e macia, com o gosto do teu sal na minha boca, com o teu sol bronzeando a minha pele e com o teu cheiro gostoso e tua brisa suave vinda do mar…mesclo para ti.

Por todas a noites que danço ao som dos teus rítimos e por todos os dias que sou presenteado com a tua maravilhosa energia…mesclo para ti.


Julinho’s Miami Sunshine Celebration Mix

 

Gracias Miami!!!

 

This Day

Monday, April 23rd, 2007

 

347654907_b586452642_o.jpg

 

Esta é uma “oração” que leio todos os dias. Como pode ver, ela está em inglês. Preferi deixá-la assim. Certas coisas não foram escritas para serem traduzidas. Elas acabam perdendo parte da poesia e do sentido.

É uma “oração” muito simples e que me ajuda muito a lembrar a coisa que considero a mais importante na vida: o agora. No final do texto existe uma frase que diz: “Este dia, esta hora, este minuto, este momento é tudo que tenho…e eu escolho usá-lo com alegria e gratitude”. Pense nisso!! O agora é a única coisa que realmente temos…e nada mais!!

Faça uma cópia e coloque na porta da geladeira, no espelho do banheiro ou até no carro. Assim, você jamais esquecerá do valor do agora.

Aqui vai:

This day, I thankfully accept all the good things that are coming my way. This day, is full of excitement, love, energy, health and prosperity. This day, people are calling on me to be of service to them and I will respond by giving my best. This day, I think and practice health in my life, refusing to accept anything less than perfect health. This day, I accept the abundance and prosperity that is mine and willingly share it with others. This day, I focus on the moment and give no thought to the past or to the future. This day, I spend in total enjoyment of what I do. This day, I fill with loving thoughts and actions toward other people and myself. This day, I spend in grateful appreciation of all that is mine. This day, this hour, this minute, this moment is ALL THAT I HAVE…and I choose to use it in total celebration!!

Uma ótima semana a todos.

 

O Dia da Terra

Sunday, April 22nd, 2007

 

earthdaylogo.gif

Precisamos dar mais atenção ao nosso maravilhoso planeta Terra. Aqui estão algumas dicas de como você pode ajudar:

Carne:

* Pergunte ao seu açogueiro ou ao supermercado que freqüenta de onde vem a carne que você compra. Cerca de 70% das áreas desmatadas são para abertura de novas pastagens. O desmatamento é o principal responsável por nossas emissões de gases causadores do efeito estufa.

Madeira:

* Procure sempre o selo FSC. O selo é a garantia de que a madeira foi retirada corretamente. O desmatamento é o principal responsável por nossas emissões de gases causadores do efeito estufa. Quanto mais incentivamos o manejo sustentável, menores serão os incentivos para desmatar completamente determinadas áreas.

Transporte:

* Prefira o transporte público. Além de ser menos poluente, você evitará parte do estresse do dia-a-dia;
* Use bicicleta ou caminhe sempre que possível. É saudável e você estará estará contribuindo para um planeta mais limpo;
* Se não houver ciclovias, fale com seus representantes políticos para que as construam; Para viagens curtas a trabalho ou de turismo, prefira o ônibus.

Carro:

* Faça sempre uma revisão do seu carro. Além de evitar possíveis dores de cabeça, um carro que funciona corretamente consome menos combustível e menos gases causadores do efeito estufa;
* Calibre bem os pneus do seu carro. Os pneus bem calibrados evitam um consumo excessivo de gasolina e dão mais segurança;
* Ao comprar, dê preferência aos veículos flex e que sejam mais econômicosômicos;
* Se puder, abasteça com álcool e não com gasolina.

Em casa:

* Procure sempre comprar aparelhos eficientes em consumo de eletricidade;
* Desligue as luzes dos ambientes não utilizados;
* Retire das tomadas os aparelhos em stand-by (os que ficam com as luzinhas vermelhas acesas);
* Instale painéis solares para aquecer a água. A longo prazo, você poupará energia e dinheiro;
* Substitua as lâmpadas principais da casa por lâmpadas fluorescentes compactas, consomem 75% a menos que as convencionais;
* Desligue o chuveiro quando estiver se ensaboando.

No trabalho:

* Verifique se as luzes estão desligadas ao sair;
* Seja ativo: forme uma comissão para verificar como a empresa pode gastar menos energia;
* Mantenha os aparelhos de ar condicionado a 25 C;
* Verifique se os aparelhos de ar condicionado estão na sombra. Eles consomem 5% menos se não estiverem no sol.

Se cada um de nós fizer a sua parte e divulgar essas dicas, pode ser que consigamos reverter o assustador quadro em que o nosso planeta se encontra hoje.